254 320 720
aejac.direcao@gmail.com

Provedor do Aluno

Numa perspetiva de abertura à comunicação, de desenvolvimento de estratégias de cooperação e de promoção de relações interpessoais equilibradas, a criação de um Provedor do Aluno pretende garantir uma maior aproximação aos alunos. A sua função é, fundamentalmente, mediar as relações entre os vários intervenientes no processo de ensino-aprendizagem. Ao Provedor do Aluno compete promover e garantir a participação responsável e consciente dos alunos na vida escolar. Cabe ao Provedor a divulgação, defesa e promoção dos direitos e deveres dos alunos, colaborando com o Diretor, para o bom funcionamento da Escola/Agrupamento e sua dignificação.
 
Mensagem da Provedora
Caros Alunos,
O Provedor do Aluno é um órgão independente, sem poderes executivos e a quem compete analisar, sempre em conformidade com a Lei, as questões apresentadas pelos estudantes, fazendo-as chegar aos órgãos competentes. 
Considero-me uma pessoa assertiva, atenta e empática, disponível para escutar os outrose para, acima de qualquer julgamento, me colocar ‘no lugar’ do outrotentando entender o que está a sentir, as suas reais necessidades. Acredito que estas minhas características serão fundamentais para avaliar com imparcialidade e sentido de justiça as questões que me vierem a ser apresentadas. Através do diálogo, agirei sempre de forma a contribuir para o desenvolvimento de atitudes e comportamentos democráticos, cívicos e participativosconsolidando modos de estar em sociedade.
Todo e qualquer aluno do AEJAC tem o direito de receber um serviço de qualidade, eficiente e que o respeite. E é sobretudo por esta mesma razão que deve sentir a Escola como sendo sua, envolvendo-se, estando atento, identificando aspetos menos positivos e fazendo-os chegar aos órgãos competentes pelos canais apropriados. Eu estarei aqui para dialogar e refletir convosco, trabalhando para um objetivo comum, que será, em última análise, o bem-estar de toda a comunidade. 
Para mim, a Provedoria representa um grande desafio que expresso nestes três compromissos: em primeiro lugar, o de vos sensibilizar para a importância de iniciarem o caminho do exercício da cidadania; em segundo lugaro de estabelecer uma relação de proximidade e confiança convosco; por último, o de analisar de forma imparcial, e considerando a razão que vos assiste, cada uma das sugestões ou reclamações que me façam chegar.
Nunca se esqueçam de que viver em sociedade é saber partilhar direitos e deveres e que os valores partilhados criam grupos fortes, alicerçados na confiança e na solidariedade. 
 
Provedora
Agostinha Correia Araújo

agostinhaaraujo@aejac.pt

Nota: O regimento está em construção